top of page

101° Encontro Anual ESA, Florida (EUA)


101st. ESA Annual Meeting - Novel Ecosystems in the Anthropocene (Ecological Society of America)

Em participação no encontro anual da Ecological Society of America, realizado durante o período de 07 a 12 de agosto de 2016, em Fort Lauderdale, Florida, o doutorando Gabriel Brejão apresentou os resultados de um dos capítulos de sua tese, obtidos durante o período de bolsa no exterior (BEPE-FAPESP) relacionados às respostas da diversidade de peixes de riachos amazônicos à extensão e ao tempo de desmatamento, em co-autoria com o Prof. David Hoeinghaus (University of North Texas), Profa. Lilian Casatti (UNESP), Dra. María Angélica Pérez-Mayorga (UNESP) e Prof. Silvio Ferraz (ESALQ). Em "Threshold responses of Amazonian stream fish diversity to deforestation", foram encontrados que das 13 espécies, de um pool de 84 (15.4%), e 5 grupos funcionais, de 20 (25%), são altamente sensíveis a pequenas perdas de até 20% na quantidade de floresta nas microbacias amostradas, persistindo nas comunidades por cerca de 10 anos após o impacto, apresentando perdas em abundância até a sua exclusão da comunidade. O manuscrito que apresenta estes resultados está em fase final de redação.

bottom of page